< voltar

Notícias do Mercado

Dataprev assume emissão da nova Carteira de Trabalho


21/07/2016 - Fonte: Convergência Digital

O presidente da Dataprev, André Leandro Magalhães, assinou com o ministro do Trabalho (MTb), Ronaldo Nogueira, a Solicitação de Serviços para internalização da Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) pela empresa. A primeira fase da internalização da CTPS é a migração das bases de dados do MTb para a Dataprev e, até o fim de 2017, o objetivo é a disponibilização de uma carteira digital, com a mesma tecnologia, usabilidade, funcionalidade e flexibilidade do aplicativo Sine Fácil, desenvolvido pela empresa para o ministério e lançado em maio.

Após a migração, a empresa irá evoluir o sistema atual com que o MTb trabalha e fazer uma verificação das bases enquanto desenvolve, paralelamente, um aplicativo em que o cidadão poderá verificar as informações da carteira em dispositivos móveis.

“Assumir a carteira de trabalho foi o meu primeiro desafio na Dataprev. A assinatura desse contrato é uma conquista para a empresa, que vai continuar na sua missão de adotar novos processos para simplificar e facilitar o dia a dia do cidadão. Com a CTPS Digital, quem precisa do número da carteira para uma nova contratação e ainda não tem o documento, por exemplo, terá o dado antecipado e poderá acessá-lo por um aplicativo”, ressaltou o presidente André Leandro Magalhães.

O projeto da carteira digital começou a ser discutido pelo presidente logo no primeiro dia de gestão, em reunião com o ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, e com o secretário de Políticas Públicas de Emprego, Leonardo Arantes. Desde então, a Dataprev está trabalhando em ações efetivas para assumir a emissão e gestão do documento.

Serão três etapas até o lançamento da CTPS Digital. Na migração dos dados, a Dataprev irá fazer adequações funcionais no sistema para ter maior capacidade operacional. O passo seguinte é a integração das bases e processos do Emprega Brasil com as bases de governo já sob guarda da empresa. Por último, será lançada a CTPS Digital em aplicativo móvel, o que permitirá que o cidadão acesse as informações da carteira ou a emita digitalmente.

De acordo com Flávio Ronison, gerente de conta que atende o MTb, os processos para emissão e gestão da carteira de trabalho chegam à Dataprev num momento positivo, em que se discute a modernização das relações trabalhistas. “A empresa irá trazer a funcionalidade do digital para a carteira complementando o que existe hoje. O documento passará a contar com informações sociais como Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS) ao mesmo tempo em que a Dataprev trará mais segurança e auxiliará no combate a fraudes, usando informações biométricas da carteira como a assinatura digital e a fotografia do trabalhador”, explicou o gerente.

Com a CTPS Digital, a Dataprev passa a gerir os principais serviços do MTb. Já são hospedados na empresa o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), a Intermediação de Mão de Obra (IMO) e o Seguro-Desemprego. Outro ganho trazido pelo novo contrato é a entrada da empresa na emissão de documentos de identificação do cidadão.

A assinatura da Solicitação de Serviços para internalização da Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) e a sanção da modernização trabalhista aconteceram no dia 13/7.